quarta-feira, 11 de novembro de 2015

[4ª Poética] Liliane Oliveira - Collide II


Desaparecendo lentamente 
Procurando por uma luz distante 
Perdida e com medo
Por quanto tempo eu posso aguentar? 
Apenas uma memória sumindo (Esperança em um mundo tão frio) 
... 
Inoperante...


(Gritos poéticos)



Share:

0 comentários:

Postar um comentário

Seguidores

Google+ Followers

Instagram

Parceiro

QG dos Blogueiros

Versos da alma

Anuncie

Anuncie

SnapChat

SnapChat

Facebook

Youtube

Feature Post

Versos da alma

Versos da alma

Google+ Badge

Contact Us

Nome

E-mail *

Mensagem *

Follow by Email

Postagem em destaque

[Súmula de domingo] - JOGOS DA MASSA – Ana Cristina

Copyright © Faroeste Literário - entrevistas, cursos, resenhas e muito mais | Powered by Blogger
Design by SimpleWpThemes | Blogger Theme by NewBloggerThemes.com