quarta-feira, 18 de novembro de 2015

[4ª Poética] Olhar que matou o coração - José Francisco Rodrigues

Meu olhar de cansaço
Acompanha o sofrer com a saudade
Aquela que assassinou a vaidade
E até me causou embaraço
Revela a mais pura verdade
Que por trás da face cismada
Carrego fardo por paixão fantasiada
Que parecia existir por caridade
Mas o olhar na verdade estava
Fingindo que te aguardava
Aparecer na multidão
E mesmo sabendo que tu não virias
Permaneceria ali por dias
Até falecer de amor meu coração.


Share:

0 comentários:

Postar um comentário

Seguidores

Google+ Followers

Instagram

Parceiro

QG dos Blogueiros

Versos da alma

Anuncie

Anuncie

SnapChat

SnapChat

Facebook

Youtube

Feature Post

Versos da alma

Versos da alma

Google+ Badge

Contact Us

Nome

E-mail *

Mensagem *

Follow by Email

Postagem em destaque

[Súmula de domingo] - JOGOS DA MASSA – Ana Cristina

Copyright © Faroeste Literário - entrevistas, cursos, resenhas e muito mais | Powered by Blogger
Design by SimpleWpThemes | Blogger Theme by NewBloggerThemes.com