quarta-feira, 11 de maio de 2016

[Enflorar Literário] O Espelho


Vejo a vida nos teus olhos!
Ao perceber o outro me reflito.
Noto em ti o que é imperceptível em mim;
Deleito em sua alma para alcançar a minha.
Agrego valores ao contemplar minha humanidade,
Escancarada no seio da sociedade.
Deixo de ser eu e passo a ser nós!
Trazendo em mim as misérias do mundo,
Juntamente com todo o seu poder de adaptação e resiliência.
A criação exalada no seu ser,
Trás a inspiração para o meu verso.
Converto-me do mal,
E entro em contato com o divino.
Toque em mim!
Sinestetiza a benevolência da vida,
Em igualdade com a minha imperfeição.
E caminhemos em par, rumo ao desconhecido.
Faça de mim, um reflexo nato de ti!


Mariane Helena
Share:

0 comentários:

Postar um comentário

Seguidores

Google+ Followers

Instagram

Parceiro

QG dos Blogueiros

Versos da alma

Anuncie

Anuncie

SnapChat

SnapChat

Facebook

Youtube

Feature Post

Versos da alma

Versos da alma

Google+ Badge

Contact Us

Nome

E-mail *

Mensagem *

Follow by Email

Postagem em destaque

[Súmula de domingo] - JOGOS DA MASSA – Ana Cristina

Copyright © Faroeste Literário - entrevistas, cursos, resenhas e muito mais | Powered by Blogger
Design by SimpleWpThemes | Blogger Theme by NewBloggerThemes.com