domingo, 18 de setembro de 2016

[Súmula de Domingo] Brasil e suas Estrelas – Ana Cristina.


Hoje, 18 de setembro, é dia dos Símbolos Nacionais.

“Segundo a Constituição, os quatro símbolos oficiais da República Federativa do Brasil são a Bandeira Nacional, o Hino Nacional, o Brasão da República e o Selo Nacional. Sua apresentação e seu uso são regulados pela Lei n. 5.700 de 1º de setembro de 1971. ”

Vamos focar em curiosidades sobre a bandeira, nossas estrelas e cores.

A Spica, estrela sozinha acima da faixa “Ordem e Progresso”, ao contrário do que muitos pensam e dizem, ela não representa o Distrito Federal e sim o estado do Pará, que na época em que foi elaborada a bandeira e observado o céu pelo observatório nacional localizado no Rio de Janeiro, a então capital do Brasil, correspondia ao maior território acima do paralelo do equador. Para cada estado brasileiro, uma estrela e por lei a cada criação e extinção destes, uma estrela é criada e ou extinta.

São ao todo 27 estrelas que representam os 26 seis estados e o Distrito Federal. Curiosidade sobre a estrela que o representa, ela é a menor e menos perceptível em relação às outras, mas há um diferencial, todas as outras giram em torno dela, assim como o centro das decisões, o Congresso.

Quanto às cores da nossa queridíssima e amada bandeira que tremula em arenas de jogos, enfeitam prédios públicos e são símbolos de manifestos populares, seus significados fogem às explicações montadas dos livros didáticos os quais eu tive acesso e os lambi e os amei com mão no peito sentindo o nó na garganta de orgulho do meu país, bem vamos lá, farei um comparativo,

O verde – representa a mata brasileira? Não, é a cor da família Bragança que à época era a família real de Dom Pedro I;

O amarelo – homenagem à sua primeira esposa D. Leopoldina, a cor de sua dinastia austríaca;

O azul – é simplesmente a esfera, a forma perfeita, simbologia romana indicativa de soberania.

O branco, trazendo a frase positivista “Ordem e Progresso”.

E para você, leitor, qual a concepção que lhe cabe?

Se quiser se aprofundar no assunto numa visão positivista, acesso o site.

http://www.bandeiranacional.com.br/

Ana Cristina da Costa.





Share:

0 comentários:

Postar um comentário

Seguidores

Google+ Followers

Instagram

Parceiro

QG dos Blogueiros

Versos da alma

Anuncie

Anuncie

SnapChat

SnapChat

Facebook

Youtube

Feature Post

Versos da alma

Versos da alma

Google+ Badge

Contact Us

Nome

E-mail *

Mensagem *

Follow by Email

Postagem em destaque

[Súmula de domingo] - JOGOS DA MASSA – Ana Cristina

Copyright © Faroeste Literário - entrevistas, cursos, resenhas e muito mais | Powered by Blogger
Design by SimpleWpThemes | Blogger Theme by NewBloggerThemes.com