quarta-feira, 18 de janeiro de 2017

[COLUNA DE FÉRIAS] Coração sem dormir


Hoje meu coração amanheceu
                                   cansado e triste...
Talvez a falta dos sonhos da madrugada
da amargura na garganta entalada
ou o não saber ser a mão que afaga.

Hoje meu coração amanheceu
                                   cansado e triste...
da fala dura e mal-humorada
de tanto me doar, e a mim faltar
ou a minha mão que se afasta.

Hoje meu coração amanheceu
                                   cansado e triste...
de tanto tentar, e falhar
de tanto estudar, e não aprender
ou talvez meus ouvidos não queiram
                                               mais se ater...

Meu coração amanheceu
                                   cansado e triste...
E não vi se foi o mundo
ou se atribuo a mim
esse penar tão duro.

HELEN COPPI




Share:

0 comentários:

Postar um comentário

Seguidores

Google+ Followers

Instagram

Parceiro

QG dos Blogueiros

Anuncie

Anuncie

SnapChat

SnapChat

Facebook

Youtube

Feature Post

Google+ Badge

Contact Us

Nome

E-mail *

Mensagem *

Follow by Email

Postagem em destaque

[4ª Poética] Sabe eu - Antonio Luis

Copyright © Faroeste Literário - entrevistas, cursos, resenhas e muito mais | Powered by Blogger
Design by SimpleWpThemes | Blogger Theme by NewBloggerThemes.com