quarta-feira, 5 de julho de 2017

[4ª Poética] O amor - Oliver Oliveira

ah o amor !!!
Ah, o amor é pura essência
Suave em sua transparência
Lúdico em sua expressão
Maiúsculo na manifestação
Visceral no comportamento
Vital para o sentimento
Complemento na paixão
Selvagem na declaração
Inesperado na atração
Repentino e surpreendente
Na felicidade nunca ausente
No desejo benevolente
É simplesmente fatal
Em sua arte final
Do objeto amado
E tão desenhado...
Quem não sabe amar,
Fica sempre a desejar,
Alguém que no seu sonho venha se ajustar...
Amplexos e osculos ..

OLIVER OLIVEIRA

Share:

2 comentários:

Seguidores

Google+ Followers

Instagram

Parceiro

QG dos Blogueiros

Versos da alma

Anuncie

Anuncie

SnapChat

SnapChat

Facebook

Youtube

Feature Post

Versos da alma

Versos da alma

Google+ Badge

Contact Us

Nome

E-mail *

Mensagem *

Follow by Email

Postagem em destaque

[Súmula de domingo] - JOGOS DA MASSA – Ana Cristina

Copyright © Faroeste Literário - entrevistas, cursos, resenhas e muito mais | Powered by Blogger
Design by SimpleWpThemes | Blogger Theme by NewBloggerThemes.com