domingo, 23 de setembro de 2018

[Súmula de Domingo] A Beleza e as flores! – Ana Cristina da Costa

“Tome um banho de flores, passe o seu perfume” – Vitor &Leo, não é uma frase sugestiva? Como é, afinal, quem não gosta de uma pele fresquinha e cheirosa?

Comecemos então essa estação do ano pensando e fazendo coisas gostosas, alimentemo-nos dos cheiros das flores soltas no ar, abrilhantemos os olhos com as diversas cores pintadas nas árvores e neste conjunto, salvemos a alma.

Há aqueles que possuem aversão ao que é belo, os que abominam os cheiros e os pólens das flores, os que sentem calor em demasia, a estes, os incomodados com o voejar dos cupins, dos besouros e das mariposas, deixando em casa e nas ruas um rastro de vida, infelizmente, não posso tecer congratulações, só o pesar.

Em contrapartida há uma maioria já acostumada e desejosa desta beleza. Barganham seus dias de folgas, negociam os minutos dos bancos e partem para os campos, para os seus recantos afastados das cidades. Lá dispostos à natureza despem-se de suas capas de suas posturas e fundem-se à natureza.

Essa é grande sacada, descarregar toda a energia acumulada durante a semana e renovar-se. Não há no mundo outra maneira de o homem encontrar-se a não ser com o berço, aquele cujo barro emprestou o seu melhor molde.

Abrace o mundo enquanto há cores, observe as suas ações para com ele, se estiver fazendo errado, ainda há tempo de consertar, depois, só o cinza responderá as perguntas.

Há um riozinho bem ali, a poucos quilômetros da cidade, ele agora sorri, mas seu corpo está cada vez mais fininho. Clama por sombra, por comunicação debaixo da terra com suas irmãs raízes, essas, filtram e se encarregam de resfriar, carregar água, restaurar o ambiente à sua volta.

Vá, tenha com ele um *Imprinting depois, conte ao mundo sua experiência.

Hoje desejosa deste lugar paradisíaco, vou aqui descrevendo lembranças, aguçando as vontades de todos vocês e clamando para que a natureza expresse todas as suas vontades, atingindo suas mentes, deixando-as leves e produtivas.

Desejo também que o dia, o primeiro dia da Primavera, seja o mais inspirador, um bom domingo!

Por: Ana Cristina da Costa
Imagem extraída do Google
Indicação de filme: Flores Raras
http://www.adorocinema.com/filmes/filme-217618/criticas-adorocinema/

(Imprinting genômico. Imprinting genómico ou Imprinting parental é um fenómeno genético no qual certos genes são expressos apenas por um alelo, enquanto o outro é metilado (inactivado). É considerado um processo epigenético. Já foram demonstradas formas de imprinting genómico em insectos, mamíferos e flores.)
Share:

0 comentários:

Postar um comentário

Seguidores

Instagram

Parceiro

QG dos Blogueiros

Facebook

Youtube

Blogs Brasil

Feature Post

Contact Us

Nome

E-mail *

Mensagem *

Follow by Email

Copyright © Faroeste Literário - Para um amanhã com ainda mais histórias | Powered by Blogger
Design by SimpleWpThemes | Blogger Theme by NewBloggerThemes.com