quarta-feira, 3 de outubro de 2018

[4ª Poética] Escravo moderno - Jeovânia P.

 ESCRAVO MODERNO


Vai
Segue sua escravidão
Silencia a sua consciência

Vai
Atrás do seu colega
Ande no compasso
Manter o ritmo é preciso

Vai
Deixe sua sombra em casa
Dormindo
Desaparecendo

Vai
Sendo escravo do sistema
De olhos fechados
Calado
Apático
Do jeitinho que tem que ser


JEOVÂNIA P.

Share:

0 comentários:

Postar um comentário

Seguidores

Instagram

Parceiro

QG dos Blogueiros

Facebook

Youtube

Blogs Brasil

Feature Post

Contact Us

Nome

E-mail *

Mensagem *

Follow by Email

Postagem em destaque

[4ª Poética] Nem sempre é fácil esperar - Soares Barbosa

Copyright © Faroeste Literário - Para um amanhã com ainda mais histórias | Powered by Blogger
Design by SimpleWpThemes | Blogger Theme by NewBloggerThemes.com