quarta-feira, 6 de março de 2019

[4ª Poética] Poesia - Maria Ivoneide Juvino de Melo

Poesia


sentimento em profusão
oxigena coração
segue corrente sanguínea
desencadeia adrenalina
transforma-se em poesia

delira sóbria, expressa carinho
cordialidade amena,sensível à alma
instiga a palavra que acalma
intolerante por vez exala sensatez

devaneia sem quê nem pra quê
forte, fraca, paradoxal e sobrenatural
feliz à sua maneira se expressa
sobremaneira útil e bela!

Maria ivoneide Juvino de Melo.
Share:

0 comentários:

Postar um comentário

Seguidores

Instagram

Parceiro

QG dos Blogueiros

Facebook

Youtube

Blogs Brasil

Feature Post

Contact Us

Nome

E-mail *

Mensagem *

Follow by Email

Postagem em destaque

[4ª Poética] Uma porta entreaberta - Elísio Mattos

Copyright © Faroeste Literário - Para um amanhã com ainda mais histórias | Powered by Blogger
Design by SimpleWpThemes | Blogger Theme by NewBloggerThemes.com