quarta-feira, 19 de agosto de 2015

[4ª Poética] Autor Alex Santana



• Fábulas •

Que das coisas ditas normais
nada mude nunca,
que eu siga amando a sexta e odiando a segunda.
Que do amor que tive
desmedido e sem fim,
reste algo em meu peito
e sem medo eu possa tentar
entender, que para conseguir amar
tenho primeiro que viver.
E assim quem sabe
seja eu o sol que
a tua noite escondeu,
sobre a sombra da lua
sei que ainda busca culpa
do que entre nós aconteceu.
E quando o sol raiar
e a tua prepotência se for
restará somente a culpa
de mandar para rua
aquele que realmente a amou.
E assim pela rua
sigo eu meus caminhos
tortos, contando sentimentos
mortos   até que um dia
eu deixe de ser perola
em meio aos porcos.











Carpe Diem  ela disse,                                              
vá e não olhe para trás ,
faça o que deseja,faça o que te satisfaz.

Ela sorriu, e então parti,
acreditei não precisar mais dela
então pensei ,Carpe Diem.

Caminhei muito,sem descansar
caminhei sem proposito,
apenas por caminhar
sem pensar em tempo, 
ou em onde chegar,
sem pensar em consequências.

Acreditando na coincidência de
deixar quem se ama, na espera 
de encontrar a quem  amar.
Share:

0 comentários:

Postar um comentário

Áudio descrição

Áudio descrição
Nós do faroeste, sempre usamos da literatura para falar sobre diversos assuntos, Principalmente sobre causas em que acreditamos, e isso é o maravilhoso da literatura e da arte não é? Ter a liberdade de se expressar. E tão importante como é falar sobre, é ter pessoas para ler e ver o trabalho que fazemos. E mais importante ainda, é permitir que todos tenham total acesso. Por isso, começamos um trabalho em nosso blog. Agora, todas as nossas publicações que possuem imagem, tem em sua legenda a Hashtag PraTodosVerem. Que é um recurso de acessibilidade que dá, a pessoas com deficiência visual acesso total aquilo que publicamos, tanto texto, como imagem, que nós sabemos que é algo que complementa, e muito, aquilo que queremos contar e mostrar. Sempre, depois da Hashtag, irá se seguir uma breve descrição da imagem, descrevendo os elementos principais que a compõem. Este trabalho é uma parceria com a áudiodescritora Raquel Carissime, e os co roteiristas Eduardo Collette e Juliana Santos. O amanhã com ainda mais historias é para todos.

Seguidores

Instagram

Parceiro

Facebook

Youtube

Blogs Brasil

#PraTodosVerem A capa tem fundo amarelo claro, à esquerda, o laço amarelo, símbolo da Campanha. Em cima no centro, em letras pretas: "Eternize suas emoções em versos de vida... Alegres ou tristes eles importam para nós!", abaixo a sombra de uma mão voltada para cima. E a direita, a logo do Blog.

Feature Post

Contact Us

Nome

E-mail *

Mensagem *

Follow by Email

Postagem em destaque

{Versos de vida} Vestida de flor - Mariane Helena

Copyright © Faroeste Literário - Para um amanhã com ainda mais histórias | Powered by Blogger
Design by SimpleWpThemes | Blogger Theme by NewBloggerThemes.com