sexta-feira, 26 de fevereiro de 2016

[A vida por Ana Rapha] Dias comuns

E chegou a sexta!! Dia de esperar pelo sábado e de ler a coluna "A vida por Ana Rapha"!!
A sexta-feira não seria um dia de felicidade para nós? Hoje iremos refletir sobre os dias comuns e essa tal
Felicidade...
Confiram!! Curtam, comentem!! ;)

Dias comuns


            Hoje foi só mais um dia comum. Todos os dias são comuns. Às vezes chove, às vezes faz sol, isso é raro em Curitiba.
            Mas mesmo em dias comuns encontramos pequenas felicidades. Ou elas seriam as grandes? Tomar um sorvete, sentir o cheiro da chuva, ver o pôr-do-sol, rever uma amiga, ganhar um abraço, ler uma poesia, dar um beijo apaixonado, tomar um café quente, saborear um chocolate.
            A vida é feita de pequenas felicidades, são elas que dão cor e sabor à nossa árdua rotina, dias cheios de tempestades e intempéries.
            Felicidades grandes acontecem? Sim, acontecem, mas são muito pontuais. Quantos anos leva para você encontrar o amor de sua vida? Para ganhar a promoção dos seus sonhos? Para fazer a viagem que tanto almeja? Para formar a família que sempre desejara?
            Se esperarmos as grandes conquistas para sermos felizes, nunca o seremos. Por isso, essas pequenas felicidades são, na verdade, a real FELICIDADE!! Aquela que a gente passa anos esperando, vê as rugas talhando nossa pele, o cabelo perdendo a cor e o viço, o corpo esmorecendo, aquela nem sempre chega ou quando chega já esperamos por demais.

Então, é preciso aproveitar as pequenas alegrias que colorem o nosso dia a dia, elas sim dão significado à vida e à palavra felicidade. Afinal, como já dizia uma canção: Felicidade é perceber que a felicidade mora aqui... dentro da gente. 


Gostou do texto? Conheça a obra "A Lua que eu te dei" e um pouco mais sobre Ana Rapha no Face: www.facebook.com/escritoraanarapha


Share:

0 comentários:

Postar um comentário

Áudio descrição

Áudio descrição
Nós do faroeste, sempre usamos da literatura para falar sobre diversos assuntos, Principalmente sobre causas em que acreditamos, e isso é o maravilhoso da literatura e da arte não é? Ter a liberdade de se expressar. E tão importante como é falar sobre, é ter pessoas para ler e ver o trabalho que fazemos. E mais importante ainda, é permitir que todos tenham total acesso. Por isso, começamos um trabalho em nosso blog. Agora, todas as nossas publicações que possuem imagem, tem em sua legenda a Hashtag PraTodosVerem. Que é um recurso de acessibilidade que dá, a pessoas com deficiência visual acesso total aquilo que publicamos, tanto texto, como imagem, que nós sabemos que é algo que complementa, e muito, aquilo que queremos contar e mostrar. Sempre, depois da Hashtag, irá se seguir uma breve descrição da imagem, descrevendo os elementos principais que a compõem. Este trabalho é uma parceria com a áudiodescritora Raquel Carissime, e os co roteiristas Eduardo Collette e Juliana Santos. O amanhã com ainda mais historias é para todos.

Seguidores

Instagram

Parceiro

Facebook

Youtube

Blogs Brasil

#PraTodosVerem A capa tem fundo amarelo claro, à esquerda, o laço amarelo, símbolo da Campanha. Em cima no centro, em letras pretas: "Eternize suas emoções em versos de vida... Alegres ou tristes eles importam para nós!", abaixo a sombra de uma mão voltada para cima. E a direita, a logo do Blog.

Feature Post

Contact Us

Nome

E-mail *

Mensagem *

Follow by Email

Postagem em destaque

{Versos de vida} Vestida de flor - Mariane Helena

Copyright © Faroeste Literário - Para um amanhã com ainda mais histórias | Powered by Blogger
Design by SimpleWpThemes | Blogger Theme by NewBloggerThemes.com